SOCIAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Criminalidade em S.Vicente : Tribunal decreta prisão preventiva e TIR a dois suspeitos por tráfico de droga e roubo de dinheiro e objectos 08 Mar�o 2019

O Tribunal da Comarca de S.Vicente acaba de decretar a prisão preventiva para um homem suspeito da prática de tráfico de droga - haxixe e cannabis (padjinha). Um outro cidadão acusado de roubo de dinheiro e objectos vários ficou em liberdade condicional sob o regime de Termo de Identidade e Residência -TIR.

 Criminalidade em S.Vicente : Tribunal decreta prisão preventiva e TIR a dois suspeitos por tráfico de droga e roubo de dinheiro  e objectos

Referindo-se ao primeiro caso, a Polícia Judiciária informa que foi, através do Departamento de Investigação Criminal do Mindelo (DICM) – Brigada de Tráfico de Estupefacientes e Criminalidade Organizada –, que deteve, na segunda-feira, 4, em flagrante delito, na localidade de Ribeira de Passarão, o citado indivíduo do sexo masculino. Tudo por ser suspeito da prática de crime de tráfico de estupefacientes.

«A detenção ocorreu na sequência do cumprimento de um mandado de busca e apreensão, efectuado na residência do suspeito, na qual foram localizados e apreendidos 17,4 gramas de Haxixe, distribuídos em 111 pedaços, em formato de pequenas pedras cúbicas, e 16 “charros” de um produto que, submetido a teste e pesagem, reagiu positivamente para Cannabis, acusando um peso bruto de 13,3 gramas», precisa. A mesma instituição assevera que foram ainda apreendidas, outras 55 gramas de Cannabis e uma quantia no valor de 13.380$00, entre outros objetos.

O homem detido foi presente, esta quarta-feira, 06, ao Tribunal da Comarca de São Vicente, que lhe aplicou, como medida de coação, a Prisão Preventiva - vai aguardar o julgamento atrás das grades.

Segundo ainda a PJ, no mesmo dia foi detido, pela Brigada de Crimes contra a Propriedade do DICM, um indivíduo do sexo masculino, de 30 anos, residente em Ilha de Madeira, suspeito da prática de um crime de roubo.

«O indivíduo em causa é acusado de, no passado dia 20 de janeiro, em co-autoria, ter subtraído de um jovem, na mesma localidade, uma carteira contendo a quantia de onze mil escudos, um telemóvel, e documentos pessoais, entre os quais cartões bancários, que se encontravam na referida carteira», lê-se no comunicado da PJ.

A fazer fé na mesma fonte, o detido foi presente, no mesmo dia, ao Tribunal da Comarca de São Vicente, que lhe aplicou como medida de coação TIR-Termo de Identidade e Residência.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau

blogs

publicidade

Newsletter

Abonnement

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project