CORREIO DAS ILHAS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

São Vicente: EUA vão enviar equipa de engenheiros para apoiar na reparação do navio Guardião da Guarda Costeira 15 Setembro 2021

O embaixador dos EUA em Cabo Verde anunciou hoje, no Mindelo, a vinda a Cabo Verde de uma equipa de engenheiros norte-americanos, os quais vão ajudar na reparação do navio Guardião, da Guarda Costeira, actualmente inoperante.

São Vicente: EUA vão enviar equipa de engenheiros para apoiar na reparação do navio Guardião da Guarda Costeira

Jeff Daigle visitou na manhã de hoje o navio, o único oceânico da frota da Guarda Costeira, no Porto Grande do Mindelo, no quadro da visita de três dias que efectua a São Vicente e que termina hoje, depois de passar pela sede da Guarda Costeira, em São Pedro.

O embaixador referiu que os Estados Unidos da América (EUA) têm uma área de cooperação “muita vasta” com Cabo Verde e que um dos objectivos do arquipélago, nesta área, é o conhecimento do domínio marítimo e patrulhar 10 mil horas/ano, pelo que o seu país está a ajudar nesta área.

“A cooperação com Cabo Verde é muito forte e o Governo da Cidade da Praia já manifestou que os EUA são o seu parceiro de segurança escolhido, pelo que nos sentimos bastantes honrados com esta distinção”, declarou Jeff Daigle, que disse esperar que os EUA continuem a trabalhar para “efectivamente” responder a essa manifestação do Governo de Cabo Verde.

Sobre a hipótese lançada de construção de um cais para a Guarda Costeira, o embaixador disse que se trata de uma infra-estrutura “muito importante”, mas cujos detalhes estão a ser discutidos, por se tratar de uma “obra complexa”, mas que possivelmente será uma iniciativa “muito importante” para Cabo Verde.

Por outro lado, na área económica, Jeff Daigle reiterou que um dos objectivos da embaixada é estreitar os laços comerciais e económicos com Cabo Verde, nomeadamente, promover o aumento de exportações, e que, para além dos produtos do mar e do grogue, “que aumentaram a exportação para os EUA”, deseja, futuramente, ver “maior variedade” de produtos, bem como o aumento das exportações.

Na área social, lembrou que o embaixador gere um fundo destinado a pequenos projectos, numa base anual, e que todas as informações estão na website da embaixada.

Trata-se, informou, de um processo competitivo em que ONG e entidades, como escolas e outras, podem apresentar candidaturas, já que o número de projectos pode variar de seis a oito e o financiamento também varia, podendo ir de 50 mil a 70 mil dólares.

Neste sentido, o embaixador encorajou as organizações a visitar o website para conhecerem melhor o programa. A Semana com Lusa

Durante os três da sua primeira visita oficial a São Vicente, Jeff Daigle dedicou o primeiro dia, segunda-feira, 13, ao comércio bilateral e investimentos, o segundo à parceria para tornar Cabo Verde uma sociedade cada vez mais inclusiva, “que já é, mas há espaço para torná-la ainda mais”, e hoje, terceiro dia, com foco na segurança militar e cooperação EUA/Cabo Verde nesta área. A Semana com Lusa

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project