DESPORTO

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Râguebi: Astro irradiado em ano de campeonato do mundo após post "Inferno espera bêbados, homossexuais" 19 Maio 2019

A Federação da modalidade na Austrália, "Rugby Austrália", viu confirmada, em tribunal, esta sexta-feira, 17, a "justa causa" invocada no ’despedimento’ — na prática, a irradiação — do astro Israel Folau (foto) que "violou o código de conduta do jogador". O raguebista "cristão conservador" foi acusado de homofobia após publicar nas redes sociais que o "Inferno espera bêbados, homossexuais e adúlteros".

Râguebi: Astro irradiado em ano de campeonato do mundo  após post

A direção da Federação da Austrália expressou que, por causa da publicação, a última a 10 de abril no Instagram e Twitter — com a qual o extremo quis exortar "bêbados, homossexuais e adúlteros", entre outros pecadores, ao arrependimento e à conversão "às leis de Deus" —, Israel Folau "deixou de representar o espírito do râguebi nacional", refere a BBC.

O mais famoso australiano do râguebi, Folau, termina assim a sua carreira, aos 30 anos, "por não ter compreendido" o que “o seu estatuto de estrela implica".

"Ele não pode partilhar nos social media algo que condena, insulta ou discrimina pessoas na base da respetiva orientação sexual”, expressou a direção em comunicado. O astro do râguebi é reincidente e tem vários posts do mesmo teor, como há um ano, em que "recebeu uma advertência séria".

Principal patrocinador apoia DE gay

A Qantas, companhia aérea de bandeira que foi considerada a melhor do mundo em 2018, é o principal patrocinador da federação australiana da modalidade, que se prepara para a 33ª edição do Campeonato Mundial de Râguebi, entre 20/9 e 2/11 no Japão, com 20 equipas de países na sua maioria anglófonos.

O diretor-executivo da empresa de transporte aéreo, Alan Joyce, declarou-se gay, o que pode ajudar a entender o comunicado emitido pela Qantas na sequência do post.

"É verdadeiramente dececionante. Tais comentários não refletem de modo algum o espírito de inclusão e diversidade que é nosso apanágio", disse a direção da Quantas.

A última publicação de Folau é uma entre muitas em que ele pregava o culto evangélico sobre a necessidade de arrependimento de "bêbados, homossexuais, adúlteros, mentirosos, fornicadores, ladrões, ateus, idólatras".

Primeira-ministra neozelandesa ao barulho

A primeira-ministra neozelandesa, Jacinda Ardern, condenou as publicações do australiano Folau – cuja esposa é Solonaima Maria Folau, estrela do Netball (derivado do andebol e basquetebol) neozelandês – que, dado o “seu papel de modelo para muitos”, com tais posições causa “danos irreparáveis”.

“Discordo totalmente do que ele disse e com a maneira como ele está a usar a sua plataforma", rematou Jacinda Ardern.

Fontes: BBC/The Guardian/ABC.au/

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau

blogs

publicidade

Newsletter

Abonnement

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project