NOTÍCIAS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Obra “Ecos d’Alma” de João José Nunes reeditada quase um século após a primeira edição 26 Dezembro 2018

A obra “Ecos d’Alma”, do escritor e poeta bravense João José Nunes, foi reeditada pela Livraria Pedro Cardoso e vai ser lançada esta sexta-feira, na Cidade da Praia, depois de quase uma década da publicação da primeira edição.

Obra “Ecos d’Alma” de João José Nunes reeditada quase um século após a primeira edição

A ideia de reeditar esta obra de sonetos românticos partiu do professor Henrique «Djick» Oliveira, que apresentou a proposta à Livraria Pedro Cardoso, no âmbito da sua iniciativa de reedição de obras clássicas, em especial da literatura cabo-verdiana.

Segundo o organizador, o livro reproduz em “fac-símile”, ou seja, tal como está a edição de 1927, que teve a chancela da Imprensa Nacional de Cabo Verde.

Trata-se, segundo Djik Oliveira, de uma homenagem ao escritor e poeta João José Nunes (Nhô Djoninho), à ilha Brava e à cultura bravense que, conforme indicou, teve os seus tempos áureos e depois caiu no esquecimento.

“A Brava é uma ilha um pouco desconhecida neste aspecto. Da ilha Brava, Cabo Verde praticamente conhece só Eugénio Tavares, mas nos temos muitos compositores, músicos, poetas, escritores como José Nunes. Eu falei com a Livraria Pedro Cardoso e aceitaram uma reedição de um grande poeta bravense”, precisou.

Djick Oliveira salienta que Nho Djoninho é um “excelente poeta”, que, para além de “Ecos de d’Alma” publicado em 1927, escreveu outros livros.

O livro “Ecos d’Alma” é composto de 15 sonetos românticos e conta com uma carta prefácio de Eugénio Tavares e um depoimento de José Lopes, dois grandes intelectuais cabo-verdianos.

O lançamento, previsto para sexta-feira, 28, às 18:00, na Livraria Pedro Cardoso vai estar á cargo do professor Manuel Brito Semedo. A Semana/Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau

blogs

publicidade

Newsletter

Abonnement

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project