MUNDO INSÓLITO

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Milionário serial-killer condenado à perpétua morreu ao 3º mês de prisão 12 Janeiro 2022

O milionário Robert Durst de 78 anos esteve como suspeito do homícidio em 31.01.1982 da esposa Kathie, mas foi ilibado com a ajuda da amiga confidente Susan que décadas depois assassinou com medo de ser denunciado. Suspeito de ser um assassino em série, Durst morto por paragem respiratória associada à Covid levou para a cova a verdade toda dos seus crimes hediondos.

Milionário serial-killer condenado à perpétua morreu ao 3º mês de prisão

Quase quarenta anos depois do conjugicídio, em 14 de outubro o tribunal de Los Angeles condenou o "excêntrico milionário" de 78 anos à pena perpétua, sem possibilidade de liberdade condicional, pelo homicídio qualificado de Susan Berman, segundo a Associated Press.

O assassinato da amiga confidente aconteceu em fins de dezembro de 2000 quando Durst suspeitou de que Susan queria confessar tudo à polícia. Mas esta nova morte só veio reativar a investigação policial sobre mais dois homicídios em que o milionário era suspeito.

As vítimas: Lynne Schulze de 18 anos e Karen Mitchell de 16.

Segundo o New York Times, poucos dias antes de matar Susan, Robert casou em 11 de dezembro de 2000 com Debrah. "Coabitavam desde 1990, sem nunca terem mantido uma relação de marido e mulher" segundo apurou o tribunal.

’Dear Prudence’ dos Beatles

Em 1980 após separar-se de Kathie ao fim de sete anos de casamento, Durst namorou Prudence — irmã da atriz Mia Farrow e tema dum hit dos Beatles.

Mas o casal separado a morar em apartamentos difrerentes, continuava a partilhar uma casa segundo a amiga Gilberte Najamy declarou à ABC News in 2001. Na última noite em que Kathie foi vista com vida, prosseguiu Gilberte, ela recebeu diversas chamadas a intimá-la a voltar para a casa.

"Ela disse-me: ’Sinto que me vai acontecer algo mau. Conto contigo para saberes o que se vai seguir".

Fontes: AP/NY Times/BBC. Fotos (AFP/Getty): A 1ª esposa de Durst só foi dada como morta em 2017: o corpo nunca foi encontrado.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project