MUNDO INSÓLITO

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

México: Encontrados em praia fósseis humanos com mil anos enterrados duas vezes 19 Abril 2018

Especialistas do Instituto Politécnico Nacional (IPN) do México descobriram, na praia de El Conchalito, na Cidade de La Paz, restos mortais de antigos indígenas que datam do ano de 1.100 depois de Cristo (d.C.).

México: Encontrados em praia fósseis humanos com mil anos enterrados duas vezes

Segundo informou o Instituto numa nota divulgada, esta semana, no Twitter, a descoberta aconteceu de forma acidental, quando um investigador do Centro Interdisciplinar de Ciências do Mar do IPN estudava o fenómeno da maré vermelha na região, que ocorre pela presença maciça de algas microscópicas nas águas.

Depois de Ignacio Leyva ter encontrado o fóssil de uma cabeça humana, a equipa de investigadores do Instituto acabou por descobrir as ossadas de dois cadáveres. “Após os corpos terem sido exumados, os estudos, conduzidos pelo IPN e pelo Instituto Nacional de Antropologia e História (INAH), determinaram que os restos mortais encontrados pertenciam a dois indivíduos com idades compreendidas entre os 16 e os 25 anos, e que tinham sido enterrados duas vezes”, cita MM.

De acordo com a nota, enterrar uma pessoa pela segunda vez era um ritual realizado pelos antigos habitantes daquela zona, seis a oito meses depois do primeiro enterro. Os especialistas chegaram a essa conclusão, tendo em conta que os crânios encontrados tinham sido removidos da coluna vertebral e colocados verticalmente por cima do resto do corpo.

Sabe-se ainda, que as ossadas foram transferidas para o Laboratório Antropológico do INAH, no Museu Regional de Antropologia e História de La Paz, onde serão feitas análises mais aprofundadas, para determinar, com maior precisão, as datas em que os indivíduos foram enterrados.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade



Mediateca
Cap-vert

blogs

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project