CINEMA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Maio: Igreja matriz vai estar totalmente remodelada até o final do próximo ano 27 Maio 2019

O ministro da Cultura e das Industrias Criativas, Abraão Vicente, avançou hoje que o concurso para reabilitação da igreja matriz da ilha já foi lançado, pelo que prevê a sua conclusão até ao final do próximo ano.

Maio: Igreja matriz vai estar totalmente remodelada até o final do próximo ano

Segundo o ministro da Cultura citado pela Inforpress, a igreja matriz, um dos maiores símbolos da ilha do Maio, construída no século XIX, é a única que ainda está em uso, pelo que o objectivo deste projecto, financiado no quadro do programa PRAA e a ser executado em parceria com o Ministério das Infra-estrutura e Ordenamento de Território e Instituto de Património Cultural, é oferecer aos maienses e aos turistas um espaço com as melhores condições para o culto.

Abraão Vicente afiançou ainda que, com esta intervenção, pretende-se melhorar o património histórico e construído da ilha, de forma a também oferecer um conteúdo turístico á quem visita a ilha e também aos religiosos residentes as melhores condições.
Para tal, o governante informou que vão ser reposto o piso em formato de madeira que caracterizava aquele edifício, mas que foi removido.

“O objectivo é melhor o chão que vai ser toda em madeira, melhorar o detalhe artístico e reforçar a estrutura”, sublinhou o titular da pasta da Cultura, informando que o que se pretende é evitar a danificação de uma estrutura, um dos poucos património histórico ainda em uso na ilha do Maio.

Acrescentou que prevêem para até o fim do mês de Junho ter a empresa ganhadora para o arranque da empreita.

No entanto, o governante admitiu que não foi fácil o consenso entre o IPC e Paróquia local, porque era preciso algum entendimento.
De todo modo, disse acreditar que o mais importante é que a ilha vai ter uma igreja com as melhores condições e que vai manter os traços patrimoniais.

“Aqui as condições do culto, que acontece uma vez por ano, com excesso de pessoas, terão que ser adaptadas em momentos festivos aqui na ilha do Maio, mantendo os traços originais da igreja”, advogou, avançando que até 2021 vão ser investidos cerca de seiscentos mil contos em processo de reabilitação, algo que considerou ser um processo “histórico”, visto que o MCIC nunca antes tinha tanta verba no orçamento de Estado para realizar obras, refere a Inforpress.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project