LUSOFONIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Macau: Acidente no "Grande Prémio de Macau de F3" com a piloto a aterrar sobre fotógrafos deixa 5 feridos 19 Novembro 2018

A piloto Sofia Flörsch, de 17 anos, conduzia o seu Dallara Mercedes a 200 km/h quando numa curva da cidade de Macau embateu num monovolume e voou por cima das vedações metálicas do circuito do Grande Prémio de Macau. O veículo aterrou na cabine dos fotógrafos. Um total de cinco pessoas foram hospitalizadas.

Macau: Acidente no

A piloto lesionou-se na coluna vertebral durante a corrida, que acontece todos os anos da 3ª quinta-feira ao 3º domingo de novembro, neste território lusófono da China. O aparatoso acidente, este domingo, 18, deixou um total de cinco feridos, quatro deles sem gravidade.

A jovem piloto será operada esta segunda-feira, segundo nota na sua conta Twitter: "Quero comunicar a todos que estou bem e que vou ser operada amahã de manhã”, tuìtou Sofia Flörsch, horas depois do acidente.

A Comissão Organizadora do Grande Prémio de Macau confirmou neste domingo que "um total de cinco pessoas deram entrada no hospital", em comunicado à agência noticiosa francesa-AFP.

O outro piloto implicado no acidente, Sho Tsuboi, também está hospitalizado, bem como dois fotógrafos e um comissário de pista, indicou a Federação Internacional do Automóvel (FIA). Nenhum corre perigo de vida.

Resultados da prova, retomada após 1h interrompida

O britânico Daniel Ticktum venceu a prova de Fórmula 3. O piloto de 19 anos, que largou da primeira posição da grelha, venceu pela segunda vez consecutiva, com a melhor volta a ser registada com um tempo de 2.10,617 minutos.

Em segundo lugar, ficou o sueco Joel Eriksson a 1,208 segundos do piloto britânico. Sacha Fenestraz, francês de 19 anos, ocupou o último lugar do pódio.

Em quinto lugar ficou Mick, filho do heptacampeão mundial de Fórmula 1, Michael Schumacher. Mick, de 19 anos, não conseguiu repetir o sucesso alcançado pelo pai que em 1990 venceu o GP de Macau.

A corrida é disputada no icónico Circuito da Guia, traçado citadino de 6,12 quilómetros considerado um dos mais perigosos do mundo.

Piloto português morreu em despiste no mesmo local

Há seis anos no mesmo local um piloto de motos português, Luís Carreira, de 36 anos, sofreu um despiste fatal durante a primeira qualificação da prova de motos.

Membro da equipa Bennimoto Raider/Cetelem, Luís Carreira participava pela sétima vez no Grande Prémio de Macau.

O multipremiado piloto — quatro vezes campeão nacional de velocidade Stocksport 1000, em 2005 e entre 2008 e 2010. Em 2000 foi campeão do troféu Honda Hornet e em 2001 campeão do troféu Honda CBR 600 — sofreu o despiste mortal na curva dos Pescadores, já na zona mais rápida do circuito, durante a primeira sessão de qualificação. Fontes: AFP/RTP/Referidas.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade



Mediateca
Cap-vert

blogs

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project