LUSOFONIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Guiné-Bissau: Primeiro-ministro afirma que maioria dos seus conselheiros não auferem salário mensal 16 Julho 2019

O primeiro-ministro, Aristides Gomes, disse, em comunicado, que a maioria dos Conselheiros recém nomeados não aufere de salários por serem beneficiários da subvenção mensal vitalícia, enquanto titulares de cargos políticos.

Guiné-Bissau: Primeiro-ministro afirma que maioria dos seus conselheiros não auferem  salário mensal

Estas declarações de Gomes surge na sequência de protestos, sobretudo de jovens inconformados que protestaram contra a referida medida governamental.

Segundo a Agência Noticias da Guiné -ANG, Aristides Gomes referiu que o anterior governo, no quadro da implementação das medidas de reformas e de reajuste salarial, extinguiu, desde setembro de 2018, os subsídios de representação de que beneficiavam os membros do executivo equiparados, pelo que as recentes nomeação de conselheiros não têm impacto no Orçamento geral do estado.

Na missiva, o chefe do governo sustenta que a nomeação de Conselheiros e Assessores para diferentes áreas, foram adequadas aos novos desafios impostos pela implementação do Programa “Terra Ranka”.

Segundo a mesma fonte, acrescenta que o espírito dessas nomeações serve essencialmente para assegurar ao chefe do executivo o reforço das capacidades na disseminação e enquadramento de alguns dossiers importantes de governação.

Por outro lado, o primeiro-ministro considera de legítimas e louváveis as preocupações de cidadãos nacionais, sobretudo dos dirigentes da maioria parlamentar face ao novo rumo da governação do país, pelo que apela a calma e ponderação perante alguns actos administrativos decorrentes da mesma.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project