ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Covid-19: Ministério da saúde justifica alegada falta de máscaras nos hospitais de campanha com “falhas pontuais” 14 Julho 2020

O diretor do Gabinete para Assuntos Farmacêuticos, Bruno Santos, garantiu hoje que não há ruptura de estoque de equipamentos de protecção individual e justificou a alegada falta de máscaras nos espaços de isolamento com “falhas pontuais”.

Covid-19: Ministério da saúde justifica alegada falta de máscaras nos hospitais de campanha com “falhas pontuais”

Aquele responsável falava durante a conferência de imprensa de balanço da covid-19, quando confrontando com a informação de que doentes têm passado mais de 24 horas sem substituir as máscaras cirúrgicas, contrariando aquilo que são as recomendações para sua substituição de quatro em quatro horas.

Segundo escreve a Inforpress, Bruno Santos garantiu que todas as semanas os hospitais de campanha são abastecidos com um número suficiente de equipamentos de protecção para responder à demanda.

“Todas as semanas temos uma lista grande para repor os equipamentos de protecção individual e um desses equipamentos são as máscaras cirúrgicas para os doentes e FFP2 para os profissionais de saúde. Neste momento não temos ruptura de estoque”, disse.

Por seu turno o director Nacional de Saúde, Artur Correia, garantiu que todos os centros de internamento têm orientações para seguirem à risca as normas estabelecidas, refere a notícia avançada pela Inforpress.

“Pode haver uma ou outra situação pontual, mas em regra, na grande maioria dos casos as regras estão a ser cumpridas”, garantiu aquele responsável.

Cabo Verde notificou esta segunda-feira mais 24 novos casos de covid-19, distribuídos pelas ilhas de Santiago e Sal, elevando o total acumulado para 1.722 infectados, dos quais resultaram 19 mortes e 772 pessoas recuperadas.
O país conta, neste momento, com 921 doentes activos, dos quais 12 estão internados nos hospitais centrais e regionais e 909 nos hospitais de campanha e nos espaços de isolamentos. Tem ainda 167 infectados em isolamento domiciliar, conforme dados avançados pelo director nacional de Saúde.

Os 1722 casos acumulados estão distribuídos pelos concelhos da Praia (1001), Sal (337), Santa Cruz (152), Santa Catarina (91), Boa Vista (57), Ribeira Grande de Santiago (14), Ribeira Brava (14), São Vicente (12), Tarrafal (12), São Salvador do Mundo (09), São Domingos (07), São Miguel (09), Ribeira Grande (04), Maio (02) e São Lourenço dos Órgãos (01).

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project