Editorial

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Cidade Velha é Património Mundial da Humanidade 26 Junho 2009

A cidade da Ribeira Grande de Santiago, Porton di nôs ilha, berço da nação cabo-verdiana é a partir de hoje, Património Mundial da Humanidade, de jure, apesar de há muito o ser de facto. Afinal, nesta cidade, que no século XVI viveu momentos áureos e foi alvo de todas as "convoitises", começou a globalização e o nascimento da sociedade multi-racial que hoje compõe o mundo. Na rota dos continentes, a Ribeira Grande era a ponte por onde transitavam a fé, gentes, plantas, bens e cultura de uma margem à outra do Atlântico, entre Europa e América. Um exemplo da história que Cabo Verde quer recrear hoje, quando tem uma parceria especial com a União Europeia e pretende ser plataforma entre o velho continente e a região africana em que se está inserido e à qual pertence, de facto.

Cidade Velha é Património Mundial da Humanidade




E nesta hora de júbilo para todos os cabo-verdianos e amigos da Cidade Velha e Cabo Verde, "asemanaonline dá os parabéns ao Ministério da Cultura e à comissão de candidatura da Cidade Velha, pelo elevado nível técnico do dossier apresentado - o que levou à aprovação, por unanimidade, do juri da Unesco.

A homenagem do povo das ilhas vai também para a persistência, a coragem dos técnicos do IPC, Carlos Carvalho e Charles Akibodé. Obrigado ao Presidente da República, Pedro Pires, ao primeiro ministro de Cabo Verde, José Maria Neves, ao ministro Manuel Veiga, ao presidente da Câmara da Ribeira Grande de Santiago, João de Pina. E à diplomacia cabo-verdiana que funcionou a todo o gás para levar aos povos amigos de Cabo Verde a história da Cidade Velha, convencendo-os do contributo que esta primeira cidade fundada pelos europeus nos trópicos deu para a humanidade.

Obrigado Portugal que, cumprindo o seu dever na história da Cidade Velha, acabou também por contribuir para o enriquecimento da sua própria História no mundo. Um bem haja à Espanha que há muito vem ajudando a Cidade da Ribeira Grande de Santiago a ocupar o lugar que lhe é devido no panteão dos grandes da humanidade.

Obrigado a todos por acreditar no sonho que hoje virou realidade: Cidade da Ribeira Grande de Santiago, Património Mundial da Humanidade.

Fotos: Eneias Rodrigues

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau

blogs

publicidade

Newsletter

Abonnement

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project