SOCIAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Caso de tráfico de droga no Porto da Praia: Tribunal manda para cadeia os cinco suspeitos brasileiros 07 Agosto 2019

O Tribunal da Comarca da Praia manda para a cadeia central de São Martinho, na Praia, em regime preventivo, os cinco suspeitos brasileiros, detidos, no sábado,03, no Porto da Praia, onde foram encontradas e apreendidas, na embarcação «Perpétuo Socorro de Abaete II», 2.256, 27 kg (Dois mil duzentos e cinquenta e seis quilos e vinte e sete gramas) de Cocaína, no âmbito da “Operação Constância”.

Caso de tráfico de droga no Porto da Praia: Tribunal manda para cadeia os cinco suspeitos brasileiros

Segundo informações judiciais referidas pela Inforpress, os mesmos foram presentes segunda-feira, 05, ao tribunal para o primeiro interrogatório que, de acordo com as mesmas fontes, demorou até ao anoitecer. Os cinco suspeitos regressaram hoje,06, ao palácio da justiça na Capital, para conhecer o despacho do juiz, que decretou prisão a preventiva para todos – vão aguardar o julgamento atrás das grades.

A “Operação Constância” foi desenvolvida na sequência de trocas de informação operacional com o MAOC-N, (Maritime Analysis and Operations Centre – Narcotics), com sede em Lisboa.

Em comunicado, a Polícia Judiciária revela que contou ainda com a cooperação da Polícia Federal do Brasil, e, na operação de busca, descarga, transporte, acondicionamento e guarda do produto apreendido, teve o apoio da Polícia Nacional de Cabo Verde.

Cabo Verde na rota internacional de tráfico de droga

É de recordar que, a 31 de Janeiro deste ano, a PJ apreendeu também no Porto da Praia, uma embarcação estrangeira de nome ESER, com 260 fardos, totalizando o peso bruto de 9.570 quilos de cocaína - a maior quantidade do produto jamais apreendida em Cabo Verde e na região ocidental africana. Na sequência desta operação, foram detidos 11 cidadãos, todos de nacionalidade russa, que ficaram em prisão preventiva.

Conforme referiu na altura a imprensa que cita a polícia científica cabo-verdiana, o cargueiro, oriundo da América do Sul, tinha como porto de destino Tanger, Marrocos. O navio fez, segundo a Inforpress, uma escala no Porto da Praia, para cumprir os procedimentos legais relacionados com um falecimento, a bordo que, conforme informações avançadas pela PJ, “terá tido morte natural”. A imprensa russa, citando um deputado local, avançou em Abril que os tripulantes foram ameaçados e obrigados a carregar a droga.

A “Operação Constância é a segunda ação de apreensão de droga registada este ano no Porto da Praia, em que Cabo Verde surge a funcionar como um ponto de conexão - entre África, Europa e América do Sul - na rota de tráfico internacional de estupefacientes. Ilustração: Fotos do poder judicial e de drogas apreendidas este ano no Porto da Praia.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau

blogs

publicidade

Newsletter

Abonnement

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project