REGISTOS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Caso de agressão sexual em grupo na Espanha: Tribunal decreta liberdade condicional para grupo ’La Manada’ 21 Junho 2018

Tribunal de Navarra decretou liberdade condicional, mediante pagamento de fiança de 6 mil euros, para grupo de cinco homens condenados a nove anos de prisão por abuso sexual de jovem de 18 anos, em 2016.

Caso de agressão sexual em grupo na Espanha: Tribunal decreta liberdade condicional para grupo ’La Manada’

Os cinco homens do grupo auto-denominado ’La Manada’ poderão, segundo a imprensa local citada pelo NM, em breve sair da prisão onde se encontram desde 7 de julho de 2016 depois de terem sido condenados a nove anos de prisão por agressão sexual em grupo de uma jovem de 18 anos, durante as festas de São Firmino, em 2016, em Pamplona.

O Tribunal de Navarra decretou liberdade condicional mediante pagamento de fiança de 6 mil euros para os cinco sevilhanos, de acordo com fontes jurídicas citadas pelo La Vanguardia. Recorde-se que os acusados estão há quase dois anos em prisão preventiva.

Revela a mesma fonte que a sentença atribuída aos cinco espanhóis foi proferida no passado dia 26 de abril, cinco meses depois do julgamento, e causou muita comoção na altura. O tribunal de Navarra entendeu, com base num vídeo de 92 segundos filmado por um dos agressores, que havia sido cometido o delito continuado de abuso sexual e não de violação coletiva.

Os três juízes decidiram pela absolvição do crime de agressão sexual (violação), pelo qual estavam também acusados pelo Ministério Público, condenando-os a nove anos de prisão pelo delito de abuso sexual continuado, delito que teve o voto a favor de dois juízes e um voto contra do terceiro.

Agora, numa decisão tomada pelo mesmo tribunal, poderão sair de forma quase imediata da prisão. Os magistrados, diz o El País, entendem que não há risco de fuga e nem de reincidência.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade
Cap-vert
Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project