DESPORTO

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Rui Vitória falou em história e o Benfica conquistou o inédito tetra 13 Maio 2017

Exibição de gala termina com a consagração do tetracampeonato. Benfica junta-se ao lote dos clubes que conseguiram ganhar o campeonato português por quatro vezes consecutivas.

Rui Vitória falou em história e o Benfica conquistou o inédito tetra

O Benfica estava obrigado a ganhar para fazer já este sábado a festa do tetracampeonato e não tremeu perante a pressão e o V. Guimarães. Num jogo relativo à 33.ª jornada da I Liga, as águias dizimaram os vimaranenses (5-0) e confirmaram a conquista do título pela quarta época consecutiva.

Primeira parte eletrizante

Na verdade, a equipa orientada de Rui Vitória parece ter guardado todos os trunfos para este jogo e arrancou para a melhor exibição da temporada. O quarteto ofensivo, composto por Cervi, Salvio, Jonas e Jiménez foi um autêntico quebra cabeças para os homens de Guimarães. Ora na esquerda, ora na direita, as jogadas de perigo apareciam de todo o lado, com Pizzi a ser o maestro da armada ofensiva encarnada. Os golos, esses surgiram muito cedo: Cervi (11’), Jiménez (16’), Pizzi (37’) e Jonas (44’), resolveram a partida ainda nos primeiros 45 minutos perante um V. Guimarães verdadeiramente irreconhecível.

Segunda parte ao ritmo de (tetra)campeão

Os segundos 45 minutos registaram uma partida mais lenta e pausada, com o Benfica a tomar o total controlo sobre a partida. Ainda assim, após uma falta de Marega na grande área sobre Grimaldo, Jonas bisou na partida depois de converter da melhor maneira uma grande penalidade.

O relógio, os adeptos cantavam e os jogadores pareciam estar a desfrutar daquela que será, sem sombra de dúvidas, considerada a melhor exibição dos homens de Rui Vitória.

O Benfica conquista assim o inédito tetracampeonato, algo que os encarnados já perseguiam há muito tempo - os rivais já o tinham conseguido, o Sporting por uma ocasião e o FC Porto por duas vezes. No total, são já 36 os campeonatos nacionais conquistados pelos encarnados. Num campeonato que fez correr tanta tinta, quer pelo que acontecia dentro de campo, quer pelo que aconteceu fora dele, o Benfica acabou por ser a equipa mais regular do campeonato português.

Momento do jogo: Jiménez apareceu sozinho lá à frente - após uma primorosa assistência de Ederson, sim de Ederson, o guardião do Benfica - fez um chapéu a Douglas, cabeceou para dentro da baliza e sentenciou um jogo que, à partida, era teoricamente complicado. Fonte: Portugal ao Minuto

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau
publicidade


Newsletter