CARNAVAL

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Carnaval 2016: Monte Sossego é campeão 10 Fevereiro 2016

O grupo carnavalesco ”Monte Sossego” é o campeão do Carnaval 2016, numa celebração marcada por um grande equilíbrio entre os dois primeiros classificados. Os “Índios” apresentaram um Carnaval grandioso e preparado ao detalhe para as ruas do Mindelo. O seu tema reviveu todas as festas celebradas na ilha do Monte Cara, desde o Dia do Município, passando pelo Carnaval, romarias, festivais e final de ano. A última alegoria, com Luís Morais ao clarinete, impactou a rua de Lisboa.

Carnaval 2016: Monte Sossego é campeão

Os jurados, que estavam espalhados por todo o percurso do desfile, avaliaram os trajes, o enredo, as alegorias, as músicas, mas também o desenvolvimento dos temas propostos, a harmonia, o entusiasmo dos foliões, de entre outros. Mas este ano a sua tarefa, enquanto júri, foi facilitada: tanto o “Monte Sossego" como o “Vindos do Oriente”, campeão de 2015, deslumbraram. E o público retribuiu: ambos foram muito ovacionados ao longo da sua apresentação.

Estas duas escolas fizeram desfilar, cada uma delas, mais de mil figurantes e três carros alegóricos. Vindos do Oriente foi o segundo classificado e recebeu 400 contos e um troféu e o Monte Sossego foi o merecido campeão e levou para casa um cheque de 500 contos. No entanto, a diferença de pontos entre estas duas escolas foi mínima - 60 pontos. Com este título de campeão, o Monte Sossego soma o seu 10º título.

No terceiro lugar ficou Cruzeiros do Norte e, em quarto lugar, o Flores do Mindelo. O primeiro, Cruzeiros do Norte, apresentou um enredo crítico “Uma volta ao mundo em 80 loucuras”, enquanto que o Flores do Mindelo foi-se inspirar nos problemas sociais, mais precisamente nas crianças de ruas e nos mais desfavorecidos. O grupo Flores do Mindelo recebeu um cheque no valor de 200 contos e uma taça. Cruzeiros do Norte recebeu um cheque de 300 contos, mais um troféu.

Em termos individuais, foram premiados o rei do Carnaval Alcides Fortes do Vindos do Oriente (125 contos, uma viagem internacional e um trófeu), a rainha Joseline dos Santos Rocha do Monte Sossego, o mestre-sala Amílcar da Cruz (25 contos) e a porta bandeira Maisa Miranda (25 contos) do Monte Sossego, o melhor carro alegórico “Teoria Evolucionista (Vindos do Oriente), melhor música “Volta ao Mundo em 80 Loucuras” e rainha de bateria Suely da Cruz do Cruzeiros do Norte.

A primeira-dama do Carnaval 2016 em São Vicente foi Janilda Nobre Dias do Cruzeiros do Norte e a segunda-dama Melissa do Vindos do Oriente. Também foram premiados os designer das roupa do Rei e da Rainha, os artistas plástico Manu Cabral e João “Boss” Brito e Valdir com viagens internacionais, oferecidos pela agência de viagens Fly.

Os grupos de animação e algumas fantasias individuais também foram distinguidos com o Prémio Kakoi, instituído este ano pela Câmara Municipal de São Vicente em parceria com o CNAD - Centro Nacional do Artesanato e Design. Os distinguidos foram Txutxinha e Homem Lama a título individual e, por grupos Banheira, Sorrisu e Interro d´Traboi. A organização do Carnaval entendeu também distinguir com prémios especiais, de participação, tanto o grupo de D. Nené como o Samba Tropical.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
publicidade

Cap-vert

Uhau

Uhau