NOS KU NOS

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Mais um caso de corrupção na Câmara da Praia: Ministério Público acusa ex-funcionária por crime de peculato 15 Fevereiro 2018

Surge mais um caso de corrupção no Município da Praia com o Ministério Público a acusar uma antiga funcionária da Câmara Municipal de crime de peculato. À arguida foi aplicada como medidas de coação o termo de identidade e residência (TIR) e interdição de saída do país.

Mais um caso de corrupção na Câmara da Praia: Ministério Público acusa ex-funcionária por crime de peculato

Segundo um comunicado da Procuradoria Geral da República citado pela Inforpress, a ex-funcionária da então Agência de Distribuição de Água (ADA) foi detida fora de flagrante delito para interrogatório, tendo-lhe sido aplicada a medida atrás referida.

A jovem de 26 anos, de acordo com o comunicado, exercia as funções de caixa na antiga ADA e, nesta qualidade, aproveitou para “subtrair, em proveito próprio, o montante de um milhão, cinquenta e quatro mil, duzentos e quarenta e dois escudos”. Vai agora esperar, em liberdade condicional, o julgamento.

É de salientar que, tempos atrás, a edilidade da Praia descobriu uma rede de funcionários que passava licenças de viaturas falsas, tendo o caso sido entregue ao Ministério Público para a investigação e o apuramento das responsabilidades criminais.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau