ECONOMIA

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Cooperação económica e comercial entre China e CPLP reúne mais de 400 empresários na Praia 16 Junho 2017

Aproveitamento de Oportunidades para uma Cooperação Pragmática entre a China e os Países de Língua Portuguesa” é o lema do encontro de empresários chineses e lusófonos, a decorrer, a partir de hoje, 16, até domingo,18, na Cidade da Praia. Mais de 400 participantes, entre empresas e entidades de carácter público e firmas privadas, são esperados neste encontro internacional.

Cooperação económica e comercial entre China e CPLP reúne mais de 400 empresários  na Praia

A cerimónia de abertura será presidida pelo Primeiro-Ministro de Cabo Verde, Ulisses Correia e Silva. O evento, que tem como lema “Promoção de oportunidades para uma cooperação económica entre a China e os Países da Língua Portuguesa”, é uma iniciativa tripartida da Cabo Verde TradeInvest (CVTI), do Conselho para Promoção do Comércio Internacional da China (CCPIT) e do Instituto de Promoção do Comércio e de Investimento de Macau (IPIM).

Nesta edição na capital de Cabo Verde, além da aposta em duas das suas marcas - a bolsa de contactos e os workshops onde cada participante apresenta as oportunidades de negócio e de investimento que a sua empresa/entidade oferece -, o evento apresenta uma novidade: uma secção especial de projetos públicos e privados do país anfitrião.

Ainda no âmbito deste encontro, no dia 17, sábado, em uma sessão a realizar-se no Pavilhão da FIC, o Conselho para Promoção do Comércio Internacional da China (CCPIT) assinará, em separado, acordos de cooperação com duas instituições cabo-verdianas: a Cabo Verde TradeInvest e a Câmara de Comércio, Indústria de Angola.

Além do programa oficial (anexo), a organização preparou um conjunto de atividades opcionais: uma volta turística a Santiago para mostrar aos participantes no encontro os principais sítios históricos e paisagens naturais da ilha e viagens de negócio/lazer a São Vicente/Santo Antão, Sal e Boa Vista, a fim de conhecerem um segmento específico de investimento.

Mais de 400 participantes, entre empresas e entidades de carácter público e firmas privadas, são esperados neste encontro internacional. São empresários, câmaras municipais, agências de investimento e câmaras de comércio dos países de língua portuguesa e de outras nações convidadas.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau