NOS KU NOS

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Autarquias de Cabo Verde recebem bibliotecas essenciais de autores de língua portuguesa 07 Novembro 2017

As 22 autarquias de Cabo Verde vão receber, cada uma, um conjunto de 100 livros de autores de língua portuguesa para colmatar a falta de bibliotecas escolares e municipais e incentivar assim a leitura nas crianças e jovens.

Autarquias de Cabo Verde recebem bibliotecas essenciais de autores de língua portuguesa

"É o preenchimento de uma lacuna das bibliotecas municipais numa estratégia de maior articulação entre a Biblioteca Nacional e as câmaras municipais, pensando que, lá onde não temos escolas que reúnam condições para assegurar a promoção da leitura, vamos fornecer às câmaras ’kits’ de livros que poderão vir a enriquecer aquilo que futuramente será uma rede de bibliotecas escolares e comunitárias", explicou a curadora da Biblioteca Nacional, Fátima Fernandes.

Os conjuntos de livros são compostos por 100 autores cabo-verdianos e de outros países de língua portuguesa que, na sua maioria, fazem parte das reservas do espólio da Biblioteca Nacional, mas resultam também de ofertas de embaixadas como a de Portugal e Espanha, segundo adiantou a curadora. A entrega dos livros insere-se na programação da Morabeza - Festa do Livro.

Sofia de Mello Breyner, Miguel Torga, Arménio Vieira, Corsino Fortes, Vera Duarte e Eugénio Tavares são alguns dos autores que integram o conjunto de 100 livros a atribuir às autarquias.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau